Freinet na pedagogia, pedagogia com Freinet: trajetória teórico-metodológica e instrumentos pedagógicos freinetianos

Guilherme do Val Toledo Prado, Heloísa Helena Dias Martins Proença, Lucianna Magri Melo Munhoz, Vaniza Ghidotti

Resumo


O presente artigo tem por objetivo expor uma proposta de formação em que a organização dos tempos e espaços de ensino em uma disciplina de um curso de graduação em pedagogia em uma universidade pública, orientou-se pelos princípios da Pedagogia Freinet, com o uso de algumas técnicas e instrumentos pedagógicos propostas pelo educador francês. 

Para isso, abordaremos como essas técnicas e instrumentos foram utilizadas, apontando suas potencialidades com o intuito de explicitar contribuições para a formação de professores.

 


Texto completo:

PDF

Referências


FERREIRA, Gláucia de Melo (org.). Palavra de Professor(a): tateios e reflexões na prática da Pedagogia Freinet. Campinas, SP: Mercado de Letras, 2003.

FREIRE, Paulo. Educação como prática da liberdade. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1967. Disponível em:http://www.dhnet.org.br/direitos/militantes/paulofreire/livro_freire_educacao_praAcesso em: 20 abril. 2019.

FREIRE, Paulo. Pedagogia do oprimido, 17. ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1987. Disponível em:http://www.dhnet.org.br/direitos/militantes/paulofreire/paulo_freire_pedagogia_do_ . Acesso em: 20 abril. 2019.

FREIRE, Paulo. Pedagogia da Indignação: cartas pedagógicas e outros escritos. São Paulo: Unesp, 2000. Disponível em:http://www.dhnet.org.br/direitos/.../paulo_freire_pedagogia_da_indignacao.pdf . Acesso em: 20 abril. 2019.

FREIRE, Paulo. Pedagogia do Oprimido. 41ª ed. Rio de Janeiro: Paz e terra, 2005.

FREIRE, P. Professora sim, tia não: cartas a quem ousa ensinar. São Paulo: Olho d’água, 2009.

FREINET, Célestin. As técnicas Freinet da escola moderna. Lisboa: Estampa, 1975.

_____. O jornal escolar. Lisboa: Estampa, 1976.

_____ . Para uma escola do povo. São Paulo: Martins Fontes, 1996.

_____ . Pedagogia do bom senso. São Paulo: Martins Fontes, 1996.

IMBERNON, F. Pedagogia Freinet, a atualidade das invariantes pedagógicas. Porto Alegre: Penso, 2012.

MUNHOZ, Lucianna Magri de Melo. Escrever, inscrever, reescrever: reflexões sobre a escrita docente no Movimento de Professores da Pedagogia Freinet. Dissertação (Mestrado). Faculdade de Educação, Universidade Estadual de Campinas: Campinas, 2010.

SCARPATO, Marta. A livre expressão na Pedagogia Freinet. Revista Ibero-americana de Estudos em Educação, [s.l.], v. 12, n. 1, p.620-628, 12 abr. 2017. Revista Ibero-Americana de Estudos em Educacao. http://dx.doi.org/10.21723/riaee.v12.n.esp.1.2017.9667.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.




 

 

Rev. Intern. Form. Prof., Itapetininga, SP, Brasil, e-ISSN 2447-8288

Ano de fundação: 2015

 Licença Creative Commons Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.