Memória, esquecimento e negação do passado: conexões sociais com a prática docente

Aldimar Jacinto Duarte, Vinicius Oliveira Seabra Guimarães

Resumo


A metodologia História Oral é um recurso que permite ao pesquisador-professor aprofundar nas narrativas de histórias e vivências de pessoas que não têm destaque midiático, aqui representado por jovens pobres evadidos da escola, na cidade de Aparecida de Goiânia, Goiás, Brasil. A metodologia parte do discurso individual, porem entende-se que tal discurso é uma representação social, fruto de uma construção de origem coletiva, histórica e cultural. Neste viés, a memória e o esquecimento se constituem no escopo para investigação da prática pedagógica dos professores junto as culturais juvenis. Conclui-se que a modernidade tardia produziu uma crise de historicidade e temporalidade entre os jovens pobres evadidos da escola.


Palavras-chave


História Oral; Memória; Esquecimento; Cultura Juvenil

Texto completo:

PDF

Referências


ABRAHÃO, Maria Helena Menna Barreto. História e Histórias de Vida. Porto Alegre: EDIPUCRS, 2004.

AGAMBEN, Giorgio. Infância e história: destruição da experiência e origem da história. Belo Horizonte: Editora UFMG, 2005.

ALBERTI, Verena. Manual de História Oral. 3 ed. Rio de Janeiro: Editora FGV, 2005.

ARAGÃO, Milena. A História Oral e suas Contribuições para o Estudo das Culturas Escolares. Revista Conjectura: Filosofia e Educação, Universidade de Caxias do Sul (UCS), Caxias do Sul, v. 18, n. 2, pp. 28-41. 2013.

BALDINO, José Maria e CAVALCANTE, Cláudia Valente. Reconfiguração da educação superior brasileira, jovens e política de cotas sociais e raciais: o que preconizam as metas e estratégias do projeto de PNE 2011-202. Revista Educativa, Pontifícia Universidade Católica de Goiás (PUC-GO), Goiânia, v. 17, n. 1, pp. 201-222, jan/jun. 2014.

BAUMAN, Zygmunt. A Sociedade Individualizada: vidas contadas e histórias vividas. Rio de Janeiro: Zahar, 2008.

BAUMAN, Zygmunt. Vida em Fragmentos: Sobre Ética Pós-Moderna. Rio de Janeiro: Zahar, 2011.

BOURDIEU, Pierre. A miséria do mundo. Petrópolis, RJ: 1997

BOURDIEU, Pierre A ilusão Biográfica. In: AMADO, Janaina; FERREIRA, Marieta de Moraes. Usos e Abusos da História Oral. 8 ed. Rio de Janeiro: Editora FGV, 2006.

BURKE, Peter (org.). A Escrita da História: Novas Perspectivas. São Paulo: UNESP, 1992.

CUNHA, Luis Antônio. Educação e desenvolvimento social no Brasil. Rio de Janeiro: Francisco Alves, 1980.

DALGALARRONDO, Paulo. Psicopatologia e Semiologia dos Transtornos Mentais. Porto Alegre: ARTMED, 2008.

DELGADO, Lucilia de Almeida Neves. História Oral e Narrativa: Tempo, Memória e Identidades. Revista História Oral – Associação Brasileira de História Oral, n. 6, pp. 9-25, jul. 2003.

DUARTE, Aldimar Jacinto. A educação escolar e os processos de enfrentamento da realidade urbana por jovens da periferia. Revista Educativa. Pontifícia Universidade Católica de Goiás (PUC-GO), Goiânia, v. 17, n. 1, pp. 75-92, jan/jun. 2014.

DUARTE, Aldimar Jacinto. Jovens urbanos da periferia de Goiânia: Espaços Formativos e Mediações Escolares. 2012. 216 f. Tese (Doutorado em Educação) - Universidade Federal de Goiás, 2012.

FRANÇOIS, Etienne. A Fecundidade da história oral. In: AMADO, Janaina; FERREIRA, Marieta de Moraes. Usos e Abusos da História Oral. 8 ed. Rio de Janeiro: Editora FGV, 2006.

HARVEY, David. Condição Pós-Moderna. São Paulo: Loyola, 2005.

JAMESON, Frederick. Pós-Modernismo: A Lógica Cultural do Capitalismo Tardio. São Paulo: Ática, 2000.

LOMBARDI, José Claudinei [org]. História, memória e educação. Campinas: Alínea, 2011.

NIDELCOFF, Maria Tereza. A escola e a compreensão da realidade. 2 ed. São Paulo: Brasiliense, 1980.

PIEDADE, Ana. As manhas que a vida ensina à gente: a transgressão como estratégia de resistência. Revista História Oral – Associação Brasileira de História Oral, v. 18, n. 2, pp. 259-282, jul/dez. 2015.

RICOEUR, Paul. A memória, a história, o esquecimento. Campinas, SP: Editora da Unicamp, 2007.

SANTOS, Milton. Por uma outra globalização: do pensamento único à consciência universal. 6 ed. Rio de Janeiro: Record, 2001.

THOMPSON, Paul. A Voz do Passado. 2 ed. São Paulo: Paz e Terra, 1988.

THOMPSON, Paul. História Oral e Contemporaneidade. Revista História Oral – Associação Brasileira de História Oral, n. 5, pp. 9-28, jul. 2002.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.




 

 

Rev. Intern. Form. Prof., Itapetininga, SP, Brasil, e-ISSN 2447-8288

Ano de fundação: 2015

 Licença Creative Commons Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.