Expressando ideias: incrementalidade e tomada de perspectiva na produção da linguagem

Ayrthon Moreira Breder, Erica dos Santos Rodrigues

Resumo


A Produção da Linguagem tem sido caracterizada como um processo complexo, resultado de diferentes etapas. O que ocorre nos níveis da produção linguística e o quão incremental é a transferência de informação entre eles são algumas das questões estudadas pela Psicolinguística, dada sua relevância para a compreensão da arquitetura da mente humana. O presente artigo, portanto, investiga a passagem do fluxo informacional do nível de conceptualização de uma ideia para o nível de codificação gramatical da mesma, concentrando-se (i) no teor de incrementalidade presente nesta passagem, (ii) na possível interferência da tomada de perspectiva sob a qual a ideia será expressa (se a partir do agente ou do paciente da ação), (iii) na escolha da estrutura sintática (se voz ativa ou passiva) e, finalmente, (iv) no custo processual implicado nessas decisões. Alguns desses processos foram acessados através de tarefas experimentais de observação e descrição de cenas, sob a utilização da técnica do rastreamento ocular e de recursos de manipulação atencional. Os resultados apontam para uma abordagem holística na passagem de informação do nível de conceptualização da mensagem para o de codificação gramatical e sinalizam que operações no nível lexical podem implicar, do ponto de vista processual, menor custo do que a codificação de uma ideia em uma sentença na voz passiva. Além disso, os dados indicam que a tomada de perspectiva possa ser uma subetapa do processo de conceptualização da mensagem, com impactos para a codificação gramatical

Texto completo:

87-97

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


 

 

 

Revista Brasileira de Iniciação Científica, Itapetininga, SP, Brasil, ISSN: 2359-232X

 Licença Creative Commons Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.