A instabilidade do sistema vocálico e consonantal em documentos antigos do Rio Grande do Sul dos séculos XVIII, XIX e XX

Tatiana Jimenes Silveira Ribeiro, Tatiana Keller

Resumo


Com base em registros antigos pode-se olhar para o passado das línguas e estudar as mudanças e variações que estas sofrem no decorrer do tempo. Através do processo de reconstituição do texto escrito é possível obter dados linguísticos significativos, os quais podem representar a instabilidade do sistema vocálico e consonantal, na escrita, em diferentes estágios da língua. Neste trabalho, analisamos documentos antigos a fim de verificar indícios de variações linguísticas no que diz respeito ao sistema vocálico e consonantal do português. O corpus da pesquisa é constituído por 119 textos não literários, datados dos séculos XVIII, XIX e XX, das cidades de Santa Maria, São Sepé, Dom Pedrito, dentre outras. Os documentos constituem-se de memoriais, cartas, telegramas, recibos, boletins de ocorrências, autuações etc., editados e transcritos na disciplina de Filologia do Português, do Curso de Bacharelado em Letras, os quais pertencem ao Arquivo Histórico Municipal de Santa Maria, ao projeto Banco de dados de textos escritos: português histórico do Rio Grande do Sul, da Dr. Evellyne Costa (COSTA et al, 2012) e do Museu de Dom Pedrito. A partir das edições, foram coletados vocábulos em que as vogais e consoantes divergem da grafia do português atual.  No que diz respeito ao sistema vocálico, observam-se fenômenos fonológicos, tais como harmonia vocálica (feminino - fiminino), abaixamento (vizinho – vezinho) e alçamento sem motivação aparente (empréstimo – impréstimo); variações relacionadas a ditongos e hiatos; em relação ao sistema consonantal, verifica-se a ocorrência de consoantes geminadas (bella), trocas consonantais (pocível - possível) e encontros consonantais impróprios (prompto). Por meio desse estudo é possível constatar que as mudanças linguísticas observadas em registros antigos ocorrem devido à influência da língua oral, como também pela influência de uma tradição ortográfica e etimológica no decorrer dos séculos.

Palavras chave: Documentos antigos. Variações linguísticas. Vogais e consoantes. Rio Grande do Sul.


Texto completo:

03-32

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


 

 

 

Revista Brasileira de Iniciação Científica, Itapetininga, SP, Brasil, ISSN: 2359-232X

 Licença Creative Commons Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.