Estudo da ação do extrato aquoso da plantago major na recuperação funcional da marcha após lesão muscular traumática em ratos

Isabel de Almeida Paz, Marcos Paulo Polowei Rolão, Larissa Gulogurski Ribeiro, Ivo Ilvan Kerppers

Resumo


Introdução: As lesões musculares são comuns na prática esportiva, na medicina popular a planta Plantago Major, é muito utilizada como agente analgésico e anti-inflamatório. Objetivo: Avaliar o efeito da Plantago Major na recuperação funcional da marcha de ratos após lesão muscular traumática. Métodos: Foram utilizados 18 ratos machos Wistar, os quais foram divididos em três grupos sendo, grupo Controle, grupo Diclofenaco de Sódio e grupo Plantago Major. Todos os animais foram submetidos ao protocolo de lesão experimental, utilizando um aparelho portátil, o qual liberou uma carga de 200 gramas, diretamente no terço médio do gastrocnêmio do membro pélvico direito, posteriormente ao mecanismo de lesão, os animais foram avaliados pelo Índice Funcional do Ciático. Resultados: Obteve-se resultado estatisticamente significativo na análise intragrupo do Diclofenaco de Sódio e intragrupo da Plantago Major. Na análise tempo-dependente, foi encontrado valor para p=<0,05, ocorrendo significância para os grupos Diclofenaco  após 7 dias de tratamento. Conclusão: Conclui-se que a utilização do extrato aquoso da Plantago Major atua na funcionalidade após lesão muscular.


Palavras-chave


Contusão, Dor, Tanchagem.

Texto completo:

62-75

Apontamentos



 

 

 

Revista Brasileira de Iniciação Científica, Itapetininga, SP, Brasil, ISSN: 2359-232X

 Licença Creative Commons Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.