A influência da cobertura vacinal na prevalência de infecção meningocócica

Leandro Tsuyoshi Yokoyama, Robson José de Souza Domingues

Resumo


Este estudo objetiva estudar a prevalência e o comportamento da infecção meningocócica após a introdução da vacina conjugada antimeningococo tipo C na rede de saúde pública. Realizou-se a consulta na base de dados DataSUS sobre a referida doença durante o ano de 2012 e o ano de 2010 e os valores obtidos foram comparados entre si através de estatística descritiva. Há redução na prevalência da infecção, onde a vacinação contra o meningococo tipo C é de suma relevância para a saúde pública

Palavras chave: Meningite. Imunização. Infecção. Saúde Pública

 


Texto completo:

45-68

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


 

 

 

Revista Brasileira de Iniciação Científica, Itapetininga, SP, Brasil, ISSN: 2359-232X

 Licença Creative Commons Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.